Microcrédito: como e quando usar

Você quer começar um negócio, mas faltam recursos financeiros? O microcrédito pode ser uma boa solução!

Mas, afinal, o que é um microcrédito?

Bem, o microcrédito é, basicamente, um tipo de empréstimo para pequenos empreendedores, ou seja, empresas ou pessoas físicas que desejam abrir uma empresa, como cabeleireiros ou uma mecânica.

A principal vantagem deste tipo de crédito são os juros, que costumam ser mais baratos do que nos empréstimos tradicionais.

LEIA MAIS: O que é inadimplência e como isso pode afetar o seu negócio?

Isso porque as taxas de juros estão entre as mais baixas do mercado, em torno de 4% ao mês, enquanto que em outros tipos elas podem chegar a 6%.

Recentemente, o Conselho Monetário Nacional (CMN) atualizou as regras para que fique ainda mais fácil conseguir esse tipo de empréstimo.

Agora, é possível contratá-lo de forma 100% digital. Antes da atualização, o primeiro encontro entre o microempreendedor e a instituição financeira era, obrigatoriamente, presencial.

Outra mudança é o limite de faturamento anual bruto, que subiu de R$ 200 mil para R$ 360 mil.

Saiba mais sobre as regras para adquirir o microcrédito nas próximas linhas!

Microcrédito é ideal para quem está começando um pequeno negócio ou precisa dar uma turbinada no que já tem | Foto: Shutterstock

Microcrédito: regras para adquirir

As regras para adquirir o microcrédito são similares às regras para a concessão de outras linhas de crédito, mas, neste tipo, cada empreendedor pode captar, no máximo, R$ 21 mil.

Em primeiro lugar, basta ter mais de 18 anos e ser pessoa jurídica, MEI, ou empreendedor informal.

Em segundo lugar, o empreendedor passa por uma análise socioeconômica de sua condição financeira. A depender do modelo do negócio, a instituição financeira faz uma visita para constatar se aquela empresa se enquadra nas regras.

Outra regra importante é que o valor do empréstimo deve ser destinado a projetos específicos, ou seja, exclusivamente para o negócio, e não para fins pessoais.

Se você se enquadra em todos esses critérios, é só procurar uma instituição financeira que ofereça o microcrédito.

No Santander, por exemplo, o grupo conta com o Prospera, que é especializado em microcrédito para clientes que são, em sua maioria, costureiras, salões de beleza, bares, revendedoras de cosméticos, entre outros.

O objetivo do Prospera é apoiar o crescimento de pequenos empreendedores e suas comunidades, por isso oferece valor diferenciado para empreendedores que já têm uma atividade produtiva.

Como o microcrédito impulsiona o empreendedor e a comunidade?

Quando um empreendedor consegue movimentar o seu negócio, toda comunidade da qual ele faz parte cresce junto. O microcrédito promove uma reação em cadeia benéfica para todos. Saiba como:

  • Começam a surgir outros empreendedores, que podem gerar empregos, que melhoram a vida de todo mundo em volta.
  • Cerca de 70% da renda gerada nesses empreendimentos circula dentro da comunidade.

Quer impulsionar seu negócio com a Getnet? Confira todas as nossas soluções de pagamento aqui pelo site ou pela nossa Central de Relacionamento (4002 4000 e 4003 4000- regiões metropolitanas ou 0800 648 8000- demais localidades).

LEIA MAIS: Conheça Conciliador, a ferramenta inteligente de gestão do teu negócio

Artigos relacionados

Artigos recentes